Ciclone Kenneth causou devastação em Moçambique Foto: AFP/Emidio Josine
A passagem do ciclone Kenneth por Moçambique já deixou pelo menos cinco pessoas mortas. O balanço foi divulgado pelo primeiro-ministro Carlos Rosário.

Segundo o Instituto de Gestão de Situações de Emergência (INGC) do país, ao menos 3,3 mil casas foram parcial ou totalmente destruídas. 18 mil pessoas estão desabrigadas ou em refúgios de emergência.

Os ventos chegaram a 280 quilômetros por hora e choveu de 100 a 150 mm em apenas 24 horas. O Kenneth atingiu Moçambique com força superior ao ciclone Idai, que em março deixou mais de mil mortos no continente.

Apesar da devastação, o ciclone vem perdendo força e foi rebaixado a uma depressão tropical.

No entanto, ainda são esperadas fortes chuvas.

Tropas brasileiras foram deslocadas para prestar ajuda humanitária em Moçambique.

*Pleno News

Anúncios