A China advertiu nesta quinta-feira o governo dos Estados Unidos que o veto à empresa de telecomunicações Huawei aplicado por Donald Trump pode “prejudicar” ainda mais as relações comerciais entre os países.

“Pedimos aos Estados Unidos que interrompa suas ações incorretas (…) para evitar que provoque danos adicionais às relações econômicas e comerciais entre China e Estados Unidos”, afirmou o porta-voz do ministério do Comércio, Gao Feng, em uma entrevista coletiva.

Gao afirmou que é contra medidas unilaterais contra qualquer entidade chinesa e que o governo adotará medidas para “salvaguardar o interesse legítimo de nossas empresas”.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, proibiu na quarta-feira que empresas de seu país utilizem equipamentos de telecomunicações de grupos estrangeiros considerados perigosos para a segurança nacional, uma medida inclui a Huawei.

*AFP

Anúncios