O presidente russo, Vladimir Putin, defendeu nesta sexta-feira uma mudança para “redefinir o papel do dólar” no sistema financeiro mundial, ao considerar que a moeda americana se tornou um “instrumento de pressão” utilizado por Washington.

“É evidente que estas mudanças profundas exigem adaptar as organizações internacionais, redefinir o papel do dólar que, depois de ter sido uma moeda de reserva, se transformou em um instrumento de pressão de seu país emissor sobre o resto do mundo”, declarou Putin durante a sessão plenária do fórum econômico de São Petersburgo, principal reunião de negócios do país, na presença do presidente chinês Xi Jinping.

O presidente russo considerou que isto é um “grave erro”: “a confiança (em relação ao dólar) cai cada vez mais”.

A Rússia vive um período de forte tensão com os Estados Unidos, depois que Washington adotou drásticas sanções econômicas.

A Rússia continua sendo muito dependente da divisa americana para o comércio, em particular os combustíveis, que representam grande parte de seu faturamento.

As autoridades russas afirmam há muito tempo que desejam “desdolarizar” a economia russa, recorrendo a transações em moedas locais para o comércio com parceiros como a China. *AFP

Anúncios