A mais nova fragata da Marinha russa Almirante Gorshkov, que iniciou sua primeira viagem de longo curso, planeja visitar Cuba em um futuro próximo, informa o portal russo.

Segundo o portal, no dia anterior os marinheiros russos chegaram ao Equador. Espera-se que em junho deste ano o navio cumpra as tarefas necessárias no mar do Caribe e depois entre em um dos portos de Cuba.

Como disse o chefe de serviço de imprensa da Frota Norte, capitão-de-mar-e-guerra Vadim Serga, a fragata realizou uma visita de trabalho ao porto de Puerto Bolívar, no Equador. Os marinheiros da Frota do Norte permanecerão lá durante três dias, reabastecendo o navio de água e alimentos.

Durante esse tempo, a belonave estará aberta para visitas dos residentes locais. Depois disso, o destacamento de navios, que além da Almirante Gorshkov inclui o navio de logística Elbrus e o rebocador de resgate Nikolai Chiker, continuará a realizar tarefas programadas para esta longa viagem no oceano Pacífico ao largo da costa da América Central, indica o portal Russkoe Oruzhie.

A fragata Almirante Gorshkov foi adotada pela Marinha da Rússia em 28 de julho de 2018. Este é o primeiro navio do projeto 22350. Os construtores foram encarregados de criar uma fragata baseada em princípios novos e equipada com as tecnologias mais avançadas, a maioria das quais nunca fora usada antes na Marinha. *Sputnik

Anúncios