MOSCOU (Reuters) – O Ministério das Relações Exteriores da Rússia informou nesta quarta-feira (26) que o avião da Força Aérea da Rússia que chegou à Venezuela nesta semana levou uma equipe de especialistas militares para uma rotação, mas que o número deles no país sul-americano não aumentou, informou a agência de notícias Tass.

O avião pousou na segunda-feira (24) no principal aeroporto da Venezuela, de acordo com uma testemunha da Reuters e um site que monitora os movimentos dos aviões, três meses depois de uma chegada semelhante ter exacerbado as tensões entre Estados Unidos e Rússia.

(Reportagem de Maria Kiselyova)

Anúncios