A Apple decidiu trasladar a produção de um de seus modelos de computador, o novo Mac Pro, dos Estados Unidos para a China, informou nesta sexta-feira o jornal The Wall Street Journal, em um momento em que os dois países estão imersos em uma guerra comercial.

Segundo o jornal econômico americano, que cita fontes anônimas, a empresa selecionou a Quanta Computer, uma empresa de Taiwan, para montar seus dispositivos perto de Xangai, na China. Este modelo é atualmente produzido no Texas.

Consultada pela AFP, a Apple não respondeu até o momento.

Embora o Mac Pro seja apenas um negócio de nicho para a Apple, esta decisão poderá desatar a ira do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que pede reiteradamente às empresas que produzam no território nacional.

A decisão da companhia pode parecer surpreendente devido à imposição recíproca de fortes tarifas entre Pequim e Washington, o que certamente aumentará o preço deste produto para os consumidores americanos. *AFP

Anúncios