O ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, usou sua conta no Twitter na manhã desta quarta-feira (24) para sair em defesa de Glenn Greenwald, do site The Intercept, que vem sendo alvo de ações do governo e de bolsonaristas após divulgação de diálogos ilegais do ex-juiz e ministro da Justiça, Sergio Moro, com investigadores da Lava Jato.

Ao compartilhar tuíte da deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), com ameaça explícita a Glenn, Haddad indaga a Rede Globo por que não sai em defesa do jornalista do Intercept.

“Por que a Rede Globo só defende os seus jornalistas? Fascismo nos olhos do outro é colírio? Enganam-se redondamente!”, tuitou Haddad.

Na publicação compartilhada por Haddad, a líder de Bolsonaro no Congresso diz que a hora de Greenwald está chegando, depois da divulgação da operação que prendeu quatro suspeitos de hackear o celular de Moro.

Anúncios