O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta terça-feira que deseja negociar um acordo de livre-comércio com o Brasil.

Além disso, não poupou elogios a seu colega brasileiro, Jair Bolsonaro, “um grande cavalheiro” com quem disse ter um “relacionamento fantástico”.

“Tenho um ótimo relacionamento com o Brasil. Tenho um relacionamento fantástico com o presidente. Ele é um grande cavalheiro. Acho que ele está fazendo um ótimo trabalho”, disse Trump aos jornalistas na Casa Branca.

Vamos trabalhar em um acordo de livre-comércio com o Brasil. O Brasil é um grande parceiro comercial”, insistiu.

O presidente americano também apoiou a indicação de Eduardo Bolsonaro, filho do presidente, para a embaixada brasileira nos Estados Unidos.

“Acho que é uma grande indicação”, disse Trump à imprensa, chamando Eduardo, de 35 anos, de “excepcional”.

“Não acho que seja nepotismo”, acrescentou Trump, que também emprega sua filha, Ivanka, e seu genro, Jared Kushner, na Casa Branca.

A relação entre os Estados Unidos e o Brasil ganhou novo impulso desde que Bolsonaro chegou ao poder em janeiro, presidente um populista de direita polêmico como o próprio Trump.

“Eles o chamam de o Trump do Brasil. Eu gosto disso”, comentou o presidente americano , definindo Bolsonaro como “um homem maravilhoso com uma família maravilhosa”. *Com informações da France-Presse

Anúncios