A plataforma de música digital Spotify publicou nesta segunda-feira (28) um lucro trimestral significativo e informou um aumento significativo no número de assinantes pagantes, tomando o mercado, que esperava um prejuízo, de surpresa.

No fim de setembro, o Spotify tinha 248 milhões de assinantes, dos quais 113 milhões usavam o serviço pago, cifra que aumentou 31% em um ano.

O grupo foi melhor que o pronóstico publicado em julgo, que estimava entre 240 e 245 milhões de usuários em geral.

O Spotify elevou a meta de assinantes até o fim de 2019, de 255 milhões a 270 milhões, contra 250 a 265 milhões.

A receita líquida foi de 241 milhões de dólares, ou 36 centavos por ação, enquanto os analistas esperavam um prejuízo líquido de 32 centavos, segundo estimativa do Yahoo! Finanças. *AFP

Anúncios