As autoridades de transportes dos EUA informaram que 37 acidentes com veículos autônomos da Uber em modo de teste ocorreram nos 18 meses anteriores a um acidente fatal em março de 2018.

A Comissão Nacional de Segurança dos Transportes disse na terça-feira que 33 dos acidentes envolveram outros veículos atingindo um carro da Uber. Em dois casos, os veículos da empresa atingiram postes no acostamento ou outros veículos.

A Comissão pretende analisar as causas exatas dos acidentes.

A gigante dos aplicativos de carona remunerada foi forçada a suspender testes de carros autônomos após um acidente fatal no Arizona em março de 2018. Os testes foram reiniciados posteriormente.

Diversas empresas têm testado veículos autônomos nos EUA. São altas as expectativas de que a tecnologia de direção autônoma possa reduzir acidentes de trânsito fatais.

Entretanto, as revelações da Comissão Nacional de Segurança dos Transportes dos EUA podem levar a mais pedidos de regulação dessa tecnologia. *NHK (emissora pública do Japão)

Anúncios