Milhares de pessoas acenando a bandeira do Japão aplaudiram neste domingo o novo imperador Naruhito e a imperatriz Masako, que partiram para um raro desfile, num conversível, por Tóquio sob o sol brilhante do outono.

Este primeiro desfile do casal imperial desde o casamento em 1993, foi recebido pelo público japonês como o culminar das cerimônias de adesão ao trono que estava originalmente previsto para 22 outubro. Mas foi adiada por respeito às vítimas do tufão Hagibis, que havia matado mais de 80 pessoas alguns dias antes e causou enormes danos.

Parte da platéia havia acampado a noite toda para garantir um bom lugar ao longo de um breve percurso de 4,6 km de meia hora.

AFP / Kazuhiro NOGI – Milhares de espectadores apressaram-se na rota do desfile real em 10 de novembro de 2019 em Tóquio

Horas antes do início do desfile, longas filas foram formadas para passar nas verificações de segurança nas várias áreas de acesso.

Poliglota, Masako Owada, nascida em 1963 em uma família de diplomatas e treinada nas Universidades de Harvard e Oxford, desistiu de uma promissora carreira diplomática para ingressar na família imperial.

Naruhito, 59 anos, sucedeu oficialmente seu pai em 1º de maio, mas uma série de rituais e cerimônias ocorreu no mês passado e continuou em novembro. 

A cerimônia para proclamar a adesão ao trono na presença de membros de famílias reais e líderes políticos em todo o mundo foi realizada em 22 de outubro. *Com informações da AFP

Anúncios