Atualizado às 18h
Ao menos cinco pessoas ficaram feridas após um atirador abrir fogo em uma escola de ensino médio na Califórnia, segundo autoridades locais.

O ataque ocorreu na Saugus High School, em Santa Clarita, ao norte de Los Angeles, nesta quinta-feira (14/11). O ato ocorreu minutos antes do início das atividades escolares.

“A situação ainda é muito instável, há cerca de cinco vítimas em atendimento” e evacuadas para hospitais, indicaram em seu último tweet os serviços de xerife do município de Santa Clarita, cidade onde a escola Saugus é afetada por esse drama.

Segundo as últimas informações o suspeito foi preso e hospitalizado.

Ele já havia sido procurado ativamente por muitos policiais na área residencial circundante e nas colinas próximas.

Ele foi descrito como um homem “asiático”, talvez um garoto de 15 anos, vestindo boné e camisa pretos e calça jeans azul.

Todas as outras escolas próximas foram colocadas como medida de segurança em um estado de confinamento, como é o costume nos Estados Unidos, onde essas tragédias são frequentes.

O xerife do condado de Los Angeles, Alex Villanueva, disse que seis pessoas foram baleadas, incluindo o suspeito de 16 anos. Quinta-feira era o aniversário dele. Nenhum detalhe foi divulgado do motivo da ação.

Um vídeo do tiroteio mostra o atirador atirando na própria cabeça. As autoridades dizem que ele carregava uma pistola calibre.45.

Os dois estudantes que morreram tinham 16 e 14. Seus nomes não foram divulgados.

Imagens de televisão mostraram policiais invadindo a escola e várias pessoas sendo movidas em macas. Filas de estudantes foram escoltados da escola por policiais armados, segundo o canal de televisão France24.