A montadora alemã Daimler anunciou nesta sexta-feira que cortará pelo menos 10.000 empregos em todo o planeta, em um grande plano de reestruturação e economia para enfrentar a transição aos veículos elétricos.

“O número total em todo o mundo será de cinco dígitos”, afirmou o diretor de recursos humanos da Daimler, Wilfried Porth, em uma teleconferência.

No início da semana a empresa citou “milhares” de demissões. *AFP