O Brasil aparece entre as 20 piores colocações no ranking das três áreas analisadas pelo Pisa (Programa Internacional de Avaliação de Estudantes), principal avaliação da educação básica no mundo.

Os resultados, divulgados pela OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico), mostram o desempenho dos alunos de 15 anos de 79 países e territórios em matemática, ciências e leitura.

A Ásia, e em especial a China, brilha mais uma vez no ranking Pisa da OCDE publicado nesta terça-feira, segundo a avaliação da qualidade, igualdade e eficiência da educação básica, destaca o jornal Estado de Minas.

As regiões chinesas de Pequim, Xangai, Jiangsu e Guangdong, que foram avaliadas como uma só, lideram o ranking em todas as áreas.