Os pagamentos devem ser feitos a mais de 360 cidadãos iranianos que apresentaram demandas contra o país norte-americano.

A agência Tasnim informou na terça-feira (3) que a justiça iraniana condenou os Estados Unidos a pagar US$ 130 bilhões (cerca de R$ 549 bilhões) a mais de 360 cidadãos iranianos por “atrocidades” cometidas por Washington contra o Irã.

O porta-voz judicial, Gholamhossein Esmaili, citado pela agência Mizan, disse em uma coletiva de imprensa que até agora foram apresentadas 360 demandas “de condenação das ações do governo dos EUA”, que devem ser cumpridas “para o benefício de nossos cidadãos”.

Os recentes protestos ocorridos no Irã tiveram o apoio dos Estados Unidos. Mike Pompeo, o secretário de Estado dos EUA, tem apoiado os manifestantes com tweets, incluindo em língua persa, condenando o governo iraniano e até pedindo evidências de maus tratos por parte das autoridades.

Os protestos eclodiram em 15 de novembro, sendo inicialmente pacíficos, mas depois violentos, com várias mortes tanto do lado dos manifestantes como das forças de segurança, depois que o governo limitou o consumo de gasolina e aumentou seu preço em pelo menos 50%. *Sputnik