A Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça vai apoiar o estado do Amazonas em operações de enfrentamento às organizações criminosas e aos crimes transfronteiriços.

Os crimes transfronteiriços são aqueles que ultrapassam os limites das fronteiras entre países, como a entrada de armas e drogas.

A ação faz parte do Programa Nacional de Segurança nas Fronteiras, chamado de Vigia.

Segundo o Ministério da Justiça, o objetivo do programa é blindar o Brasil da entrada de armas, drogas e produtos contrabandeados pelos quase 17 mil quilômetros de fronteira.

De acordo com a pasta, o Vigia teve início em abril deste ano e já teve ações em outros estados, como Paraná, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. *Com informações da Agência Brasil