O tufão Phanfone atingiu nesta quarta-feira (25) o centro das Filipinas, estragando o Natal de milhões de habitantes deste arquipélago majoritariamente católico, sem causar vítimas.

Dezenas de milhares de filipinos passaram este importante período de festas presos em suas casas, bloqueados em portos ou em abrigos.

Phanfone atingiu a Ilha Samar na terça-feira à noite antes de varrer o arquipélago e seguir para o oeste.

Nenhuma vítima foi registrada, mas as equipes de resgate disseram que ainda não chegaram às áreas mais remotas, algumas das quais com importantes inundações.

O tufão causou danos extensos, destruindo casas, causando a queda de árvores e mergulhando na escuridão muitas cidades.

Resultado de imagem para Tufão Phanfone atingiu as Filipinas fotos

Mais de 16.000 pessoas se refugiaram em escolas, ginásios e prédios públicos, onde passaram a noite de terça a quarta-feira, segundo a Defesa Civil.

Tufão Phanfone já chegou às Filipinas

Embora menos poderoso, Phanfone segue a mesma trajetória que o tufão Haiyan, o mais devastador registrado no país, que matou mais de 7.300 pessoas em 2013.

Milhares de pessoas passaram a véspera de Natal em escolas e abrigos. Até ao momento, não há registo de nenhuma vítima mortal, mas as equipas de resgate ainda não chegaram a algumas das zonas mais remotas.

O tufão levou à interrupção de meios de transporte aéreos e marítimas, destruiu casas, provocou a queda de árvores e mergulhou cidades na escuridão. *Com informações da AFP