Aviões israelenses atacaram um comboio de caminhões perto da fronteira Síria-Iraque, em um esforço para impedir a entrega de sistemas de armas a milícias pró-iranianas, informou a mídia árabe na noite de quinta-feira (09). Israel não comentou o incidente.

Oito membros da milícia xiita aparentemente foram mortos no ataque.

Em um relatório subseqüente, o chefe do Observatório Sírio para Direitos Humanos do Reino Unido, Rami Abdel Rahman, disse que “pelo menos oito combatentes haxixe iraquianos foram mortos” no ataque. 

Segundo os relatos, o ataque ocorreu perto da fronteira de Abu Kamal, que teria sido atacada várias vezes por Israel, pois costuma ser usada para enviar armas do Irã para seus representantes na Síria.

Testemunhas disseram à mídia árabe que houve uma grande explosão ouvida no local. Segundo alguns relatos, o comboio estava carregando mísseis balísticos do Irã e outras armas.

O ataque relatado ocorre em meio a intensas tensões na região, uma semana depois que os EUA assassinaram um general iraniano de topo e dias depois do Irã retaliaram disparando dezenas de mísseis contra uma base americana no Iraque.

Israel afirma repetidamente que está determinado a impedir que seu arqui-inimigo Irã arme seus representantes nas fronteiras de Israel. *Israel Hayom/i24News