Tempestades severas que varreram o sul dos EUA mataram pelo menos 11 pessoas, disseram as autoridades, quando tornados e ventos fortes reviraram carros, destruíram casas e deixaram dezenas de milhares sem energia.

As tempestades atingiram partes do sul na sexta-feira e devem se mover para leste e norte no domingo, de acordo com o Serviço Nacional de Meteorologia, que emitiu alertas de enchentes e tornados para vários estados.

Entre os mortos, havia um policial e bombeiro que foi atropelado por um veículo no Texas depois de ser chamado para responder a acidentes de trânsito em condições de gelo, disseram as autoridades locais.

No estado do Alabama, a Agência de Gerenciamento de Emergências local informou que algumas mortes foram causadas por um “tornado incorporado em uma longa linha de tempestades intensas”.

No condado de Bexar, Texas, já foram registrados quatro tornados, rajadas de vento acima de 120 quilômetros por hora e bolas de granizo do tamanho de uma bola de golfe caíram, apurou a ABC News.

O Serviço Nacional de Meteorologia disse que três pessoas foram confirmadas mortas no sábado, no Alabama, onde o canal local WHNT News 19 mostrou edifícios reduzidos a escombros.

Outras estruturas tiveram partes de seus telhados arrancadas e linhas de força derrubadas foram espalhadas pelas estradas.

As tempestades deixaram mais de 200.000 pessoas sem eletricidade no domingo, informou o site poweroutage.us, com Carolina do Norte e Alabama entre as áreas mais afetadas. *i24News/GeoNotícias