Espanha pediu assistência humanitária à NATO devido ao número de fatalidades por coronavírus.Nas últimas 24 horas, 738 pessoas morreram, elevando o número total de mortes para mais de 3.400 desde o início da pandemia.

Com um aumento das infecções de 20%, os médicos estão a preparar um novo hospital de campanha com urgência, que deve abrir sexta-feira.

Como as morgues esgotaram a capacidade, as autoridades do país recorreram à pista de gelo de Madrid e pedem às pessoas que fiquem em casa, na tentativa de impedir que mais pessoas adoeçam.

A polícia diz que vai apertar os controlos. Até agora, em Espanha foram passadas mais de 80 mil multas e foram presas quase 800 pessoas.

A batalha está a ser travada em lares de idosos de todo o país com medidas de higiene e limpeza reforçadas. *Euronews