Tigre siberiano mata tratador em Zurique

Uma tigre siberiana atacou e matou um tratador de 55 anos no zoológico de Zurique no sábado, disseram as autoridades.

As equipes de resgate não conseguiram salvar a mulher, que morreu no local. Um visitante do parque relatou o ataque e a equipe do zoológico atraiu o tigre de cinco anos chamado Irina para longe da vítima e para dentro de uma barraca, disseram a polícia e o zoológico.

As circunstâncias do ataque ainda estavam sob investigação.

O recinto de tigres em Zurique também abriga um macho de quatro anos chamado Sayan, segundo o site do zoológico.

Irina, que ainda estava viva após o incidente, veio originalmente de um zoológico em Odense, na Dinamarca, há um ano e substituiu uma fêmea que morreu de complicações após uma briga com Sayan.

“Este é um animal jovem que até agora se comportou de maneira totalmente natural como um tigre”, disse o diretor do zoológico Severin Dressen a repórteres, acrescentando que não está claro por que o tigre e o tratador estavam no recinto ao mesmo tempo.

Testemunhas do incidente e funcionários do zoológico estão recebendo atendimento especial.

O zoológico de Zurique reabriu há um mês depois de ser fechado devido à crise do coronavírus.

*ZURIQUE (Reuters)