EUA alertam cidadãos sobre riscos aumentados de detenção na China

PEQUIM (Reuters) – O Departamento de Estado dos EUA alertou os cidadãos norte-americanos no sábado para “exercerem maior cautela” na China devido ao maior risco de aplicação arbitrária da lei, incluindo detenção e proibição de sair do país.

“Os cidadãos dos EUA podem ser detidos sem acesso aos serviços consulares dos EUA ou informações sobre seus supostos crimes”, disse o Departamento de Estado em um alerta de segurança emitido a seus cidadãos na China, acrescentando que os cidadãos dos EUA podem enfrentar “interrogatórios prolongados e detenção prolongada” por razões relacionados à segurança do estado.

“O pessoal da segurança pode deter e/ou deportar cidadãos dos EUA por enviarem mensagens eletrônicas privadas críticas ao governo chinês”, acrescentou, sem citar exemplos específicos. O departamento de estado também não disse o que levou ao alerta de segurança.

O alerta de segurança ocorre quando as tensões bilaterais se intensificam sobre questões que vão desde a pandemia do COVID-19, o comércio, a nova lei de segurança de Hong Kong e alegações de violações dos direitos humanos contra os uigures na região de Xinjiang.

Washington e Pequim trocaram recentemente proibições de vistos entre os funcionários, enfatizando a deterioração das relações.

O Ministério das Relações Exteriores da China não pôde ser contatado imediatamente para comentar fora do horário comercial no sábado.

Pequim chamou, na quarta-feira última, um aviso semelhante emitido pela Austrália sobre o risco de detenção arbitrária na China “completamente ridículo e desinformação”.

Categorias:Internacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.