Covid-19 “contamina” Bola de Ouro 2020

Para circunstâncias excecionais, disposições excecionais”. É desta forma que a revista “France Football” começa por justificar a inédita decisão de pela primeira vez na história suspender a entrega do prêmio Bola de Ouro, criado em 1956.

O motivo prende-se com o impacto da pandemia de Covid-19 no futebol mundial, suspendendo durante meses a maior parte dos campeonatos nacionais, cancelando mesmo alguns como as Ligas francesa e holandesa, ou adiando torneios como o Europeu de Futebol, o que permitiu a Portugal, diga-se, tornar-se sem o desejar no primeiro campeão europeu a deter o título por cinco anos.

A decisão da revista francesa vai permitir ao argentino Lionel Messi e à norte-americana Megan Rapinoe guardarem por mais um ano os títulos conseguidos em 2019.

O jogador do Barcelona é, aliás, o futebolista que mais vezes conquistou a Bola de Ouro (6), seguido pelo português Cristiano ronaldo (5).

A avançada do Reign FC , de Seattle, foi a segunda mulher galardoada com o prêmio, atribuído também ao futebol feminino desde 2018.

Para o chefe de redação da France Football, “não se pode comparar maçãs com peras”.

“Quer dizer, íamos ter em competição jogadores com 35 ou 40 jogos nas pernas com outros com apenas 20 ou 25. Não podemos esquecer também que em anos, digamos, ocos, porque não vai haver Euro, o que define a Bola de Ouro é a Liga dos Campeões. Este ano, a prova vai concluir-se com novas regras, por isso não é possível assimilar isto tudo”, justificou Pascal Ferré.

-Euronews –

Categorias:Esporte, Internacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.