Pompeo acusa China de desrespeito pela liberdade religiosa

A China está no centro da visita do secretário de Estado dos EUA a Itália. Mike Pompeo, que foi recebido por Giuseppe Conte, o primeiro-ministro italiano, pediu aos líderes cristãos para que defendam os “seus irmãos e irmãs”.

O chefe da Diplomacia dos EUA – que se encontrará com o número dois do Vaticano, o cardeal Pietro Parolin, na quinta-feira – lembrou João Paulo II e a sua luta contra o bloco soviético, em nome da liberdade, afirmando que a China é o país onde a liberdade religiosa está mais ameaçada. *Com informações da Euronews

Categorias:Mundo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.