Estrela de ‘Tiger King’ indiciado por tráfico de animais selvagens e acusado de crueldade animal

Bhagavan Antle, dono de um parque de vida selvagem que foi destaque em documentário da Netflix “Tiger King: Murder, Mayhem, and Madness” foi indiciado por tráfico de animais selvagens e acusações de crueldade animal.

Antle, que foi referido como “Doc” Antle em “Tiger King”, é o dono do Myrtle Beach Safari, um parque de animais na Carolina do Sul que permite que os visitantes se tenham contato com filhotes de tigre de estimação. A investigação descobriu que Antle, juntamente com Keith Wilson, dono de um parque de vida selvagem na Virgínia, traficavam filhotes de leão entre a Virgínia e a Carolina do Sul. Wilson teve acusações criminais relacionadas ao tráfico de animais selvagens, bem como 17 acusações de contravenção relacionadas à crueldade animal e violação da Lei de Espécies Ameaçadas.

Em uma declaração obtida pelo New York Times, Antle disse: “Nego categoricamente qualquer ato ou conduta que possa ser considerada como ‘crueldade animal’. Passei toda a minha vida profissional promovendo o bem-estar e conservação de grandes gatos e outras espécies. Tenho profundo respeito e sentimentos pelos animais sob meus cuidados e nunca os machucaria ou abusaria deles de forma alguma. Estou ansioso para ser capaz de responder a essas acusações e ser capaz de limpar meu bom nome.

O comunicado à imprensa publicado sexta-feira pelo escritório do procurador-geral da Virgínia Herring também disse que em novembro de 2019, Wilson — do Parque animal selvagem de Wilson — e seu sobrinho foram indiciados por 46 acusações de crueldade animal. Naquele agosto, a Unidade de Direito Animal de Herring encontrou 119 animais, incluindo leões, tigres, camelos, cabras, ursos e búfalos, que Wilson havia traficado para uso em seu zoológico à beira da estrada.

Os animais traficados por Wilson foram desde então cuidados por órgãos de controle de animais e organizações de resgate de animais, afirmou o Escritório do Procurador Geral da Virgínia.

(Insider)