Rússia ameaça interromper diálogo com UE em meio a briga de Navalny

O ministro das Relações Exteriores da Rússia alertou nesta terça-feira que Moscou poderia congelar seus contatos com a União Europeia em resposta às suas sanções sobre o envenenamento do líder da oposição russa Alexei Navalny — uma ameaça sem precedentes que reflete uma amarga tensão Rússia-UE.

A dura declaração de Sergey Lavrov vem um dia depois que os ministros das Relações Exteriores da UE concordaram em impor sanções a funcionários e organizações russas culpadas pelo envenenamento de Navalny com um agente nervoso da era soviética.

“Provavelmente simplesmente temos que parar temporariamente de falar com as pessoas no Ocidente que são responsáveis pela política externa e não entendem a necessidade de um diálogo mutuamente respeitoso”, disse Lavrov em uma conferência de política externa com a presença de especialistas em Moscou.

O chefe de política externa da UE, Josep Borrell, não forneceu detalhes sobre quem pode enfrentar sanções ou quando as medidas podem entrar em vigor, mas disse que o trabalho técnico na preparação da ação agora prosseguirá.

(AP)

Categorias:Europa

Marcado como:, ,