Protestos no Brooklyn causam danos e quebra-quebra

Uma multidão de manifestantes no Brooklyn quebrou janelas, vandalizou carros da polícia de Nova York, e, em um confronto tenso, um carro invadiu bloqueio de policiais em bicicletas enquanto tentavam cercá-lo na terça-feira à noite.

O que começou como um protesto contra a morte de Walter Wallace Jr., um homem negro armado com uma faca que foi baleado pela polícia da Filadélfia na segunda-feira, rapidamente se tornou caótico, com várias pessoas vestidas de preto acendendo fogo em lixo e quebrando janelas de lojas.

A polícia resistiu enquanto o grupo de cerca de 200 pessoas marchava por Boerum Hill, antes de cercá-los na Atlantic Ave. perto de Boerum Place e fazer cerca de 30 prisões por volta das 22h.

“Queime a delegacia até o chão! Cada cidade, cada cidade!”, gritavam vários manifestantes enquanto marchavam.

O grupo provocou vários incêndios ao longo da Corte st. da Atlantic Ave. até a Rua Montague, quebrou janelas do Bank of America e um Starbucks na Corte de St. e pichou a estátua de Cristóvão Colombo fora da Suprema Corte do Brooklyn. Eles também quebraram o para-brisa de um táxi verde, e vandalizaram um carro da polícia, vários abrigos de ônibus e um Chase Bank.

(Daily News)

Categorias:Mundo

Marcado como:, ,