Chefe da OMS fica em quarentena após contato ser infectado

O chefe da Organização Mundial da Saúde diz que foi identificado como um contato de uma pessoa que deu positivo para COVID-19 e se auto-quarentena.

Tedros Adhanom Ghebreyesus escreveu no Twitter no final do domingo que está “bem e sem sintomas”, mas se ficará em quarentena nos “próximos dias, de acordo com os protocolos da OMS, e trabalhará em casa”.

O diretor-geral da OMS esteve na vanguarda da resposta global à pandemia coronavírus, que infectou pelo menos 46,5 milhões de pessoas e levou a mais de 1,2 milhão de mortes, de acordo com uma contagem de casos confirmados pela Universidade Johns Hopkins.

O tuíte de Tedros veio no mesmo dia em que as autoridades em Genebra, onde a agência de saúde das Nações Unidas está sediada, anunciaram um endurecimento das restrições destinadas a conter a propagação do vírus. Um pico recente tem mais de 1.000 novos casos registrados por dia recentemente em uma área de cerca de 500.000 pessoas.

(AP)

Categorias:Sem categoria