Moderna diz que possíveis reações alérgicas à vacina COVID-19 estão sob investigação

A Moderna disse nesta terça-feira que recebeu relatório do departamento de saúde da Califórnia de que várias pessoas em San Diego foram tratadas para possíveis reações alérgicas à sua vacina COVID-19 de um determinado lote.

Os comentários da empresa vêm depois que o principal epidemiologista da Califórnia no domingo emitiu comunicado recomendando que os provedores parem a vacinação do lote nº 41L20A devido a possíveis reações alérgicas que estão sob investigação.

“Um número maior do que o habitual de possíveis reações alérgicas foi relatado com um lote específico da vacina Moderna administrada em uma clínica de vacinação comunitária. Menos de 10 indivíduos necessitaram de atendimento médico ao longo de 24 horas”, disse o epidemiologista em um comunicado aqui.

O fabricante da vacina disse que não tinha conhecimento de casos comparáveis de eventos adversos de outros centros de vacinação que podem ter administrado vacinas do mesmo lote ou de outros lotes de sua vacina.

Um total de 307.300 doses do lote permanecem armazenadas, disse a Moderna, do total de 1.272.200 doses produzidas no lote.

A Moderna disse que estava trabalhando em estreita colaboração com os reguladores de saúde dos EUA para entender os casos e se a pausa do uso do lote era justificada.

Quase um milhão de doses do lote já foram distribuídas para cerca de 1.700 postos de vacinação em 37 estados, informou a Moderna. 

(Reuters)

Categorias:Mundo

Marcado como:,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.