Morador de rua encontrado morto em Milão tinha 100 mil euros no banco

Um morador de rua identificado como Umberto Quintino Diaco, de 75 anos, foi encontrado morto em Milão, na Itália. Para surpresa de muitos, a vítima tinha mais de 100 mil euros, cerca de R$ 644 mil, em uma conta bancária e 19 mil euros, equivalente a R$ 122 mil, em títulos acionários.

Umberto foi encontrado em uma cabana improvisada com papelão, na estação ferroviária de Porta Garibaldi, na capital da Lombardia. Segundo a autópsia, o homem pode ter morrido de frio e patologias pré-existentes.

De acordo com as investigações, além do dinheiro no banco e em ações, a vítima recebia uma aposentadoria de 750 euros, quase R$ 5 mil, em Munique, na Alemanha, tinha uma casa na região de Calábria, na Itália, e dois furgões com apólices de seguro pagas.

Em entrevista ao jornal Corriere della Sera, Chiarina, irmã mais velha de Umberto, disse que ele havia fugido de casa quando tinha 17 anos. “Procuramos por ele, que nunca se deixou encontrar”, contou.

Segundo as autoridades, Diaco retirava seus rendimentos através de uma caixa-postal no serviço de atendimento da Cáritas em Milão. “Ele nunca pediu dinheiro nem aceitou comida”, relatou ao Corriere um voluntário da organização beneficente.

Chiarina também revelou que a família conseguiu descobrir durante o período de ausência de seu irmão que ele trabalhou no setor de construção civil na Alemanha e teria passado também pela Suíça. Depois, ela chegou a tentar contatá-lo, mas ele sempre recusou. “Entendi que ele havia escolhido aquela vida, mas nunca deixamos de procurá-lo”, finalizou.

(IstoÉ)

Categorias:Curiosidades, Europa, Mundo

Marcado como:, ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.