Alto diplomata da UE pede a libertação de Navalny

O principal diplomata da União Europeia, Josep Borrell, disse durante uma visita em Moscou na sexta-feira que os laços do bloco com a Rússia estavam sob “forte tensão” após a prisão do crítico do Kremlin, Alexei Navalny. 

Borrell , o primeiro diplomata da UE a visitar a Rússia desde 2017, disse que pediu a libertação de Navalny da prisão durante conversas com seu homólogo russo Sergei Lavrov .

“Transmiti ao ministro Lavrov nossa profunda preocupação e nosso apelo por sua libertação e pelo lançamento de uma investigação sobre seu envenenamento”, disse Borrell em entrevista coletiva ao lado de Lavrov, referindo-se ao envenenamento de Navalny na Rússia em agosto.

“Nosso relacionamento está de fato em um momento difícil”, disse Borrell, acrescentando que “certamente nossas relações estão sob forte tensão e o caso Navalny é um ponto baixo”.

Falando por sua vez, Lavrov disse que a UE e a Rússia estão em desacordo sobre muitas questões, alertando sobre “consequências imprevisíveis” caso as relações se deteriorem ainda mais.

Em relação à ameaça de sanções da UE no caso Navalny, Lavrov acrescentou que “a Rússia considera a União Europeia um parceiro não confiável”. (Com informações da France24)

Categorias:Mundo

Marcado como:, ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.