Colômbia mobiliza 2.000 soldados para a fronteira com a Venezuela em Arauca

Depois que um conselho de segurança avançou no departamento de Arauca, as autoridades colombianas ordenaram, nesta quarta-feira, o fortalecimento da presença do Exército Nacional no município de Arauquita , onde estão mobilizados os mais de três mil venezuelanos deslocados pelo conflito. entre as forças militares venezuelanas e dissidentes colombianos.

O General Mauricio Zabala, comandante da Oitava Divisão do Exército Colombiano, anunciou a mobilização de 2.000 militares para o setor da fronteira com a Venezuela.

Segundo o responsável, o deslocamento das tropas não ocorre porque se trata da entrada ou incursão dos militares venezuelanos, mas para avançar nos controles que permitem afastar a infiltração de ilegais entre os refugiados que se mudaram da Venezuela para a Colômbia.

No total, nos últimos dias, mais de 3.100 venezuelanos fugiram para o território colombiano para se proteger de confrontos entre as Forças Armadas Nacionais e dissidentes.

A Ouvidoria colombiana instalou uma comissão humanitária em Arauquita para assistir os milhares de venezuelanos que chegaram naquela área de fronteira desde segunda-feira e estão em abrigos temporários. (NTN24)

Categorias:Américas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.