Presidente argentino quer decisão do STF a favor de Lula

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, quer que o Supremo Tribunal Federal mantenha a decisão do ministro Edson Fachin a favor de Lula. O juiz do STF anulou as sentenças contra o petista na Lava Jato, tornando-o elegível.

“Lula é um líder democrático não só para o Brasil mas também para todo o continente latino-americano. A perseguição que o prendeu e condenou injustamente representa uma mancha que o Brasil não merece, e que o STF começou a limpar”, escreveu no Twitter, no domingo 11.

 “Nos últimos dias, vemos com preocupação que se pretende reiniciar a perseguição a Lula, utilizando as mesmas más práticas usadas antes”, disse o mandatário estrangeiro, ao insinuar que o petista é vítima de lawfare (termo usado por esquerdistas para se referir a “perseguições jurídicas”).

Amanhã, o STF vai decidir se mantém ou não o entendimento de Fachin que anulou os processos judiciais conduzidos pelo ex-juiz Sergio Moro, e, com isso, restabeleceu ao ex-presidente os seus direitos políticos.

Categorias:Américas, Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.