Continuam protestos em Buenos Aires contra medidas de confinamento

Vários pontos da capital argentina foram neste sábado (17) palco de protestos contra as restrições que o governo lançou até o final de abril para mitigar as infecções por coronavírus, que se aceleraram nas últimas semanas e somaram mais de 2,6 milhões de casos e cerca de 59 mil mortes.

Com bandeiras e faixas contra o presidente Alberto Fernández, os manifestantes concentraram suas reivindicações na suspensão por 15 dias das aulas presenciais nas escolas, ordenadas por decreto.

O protesto, que durou até as 21h , gerou tensão entre a Polícia e os manifestantes nas proximidades da Casa Rosada. Por volta das 20h, um grupo começou a derrubar a cerca colocada em frente às grades da Casa de Governo e tentou jogá-la por cima das grades. Mais tarde, eles dispararam fogos de artifício contra os policiais. Isso gerou a intervenção do pessoal das forças de segurança.

Conforme a LA NACION seis pessoas foram presas por “agressão e resistência à autoridade” e estavam à disposição da Promotoria de Má Conduta e Contravenções 12. Pouco antes da meia-noite, eles foram libertados.

“Os meninos têm que estar na escola, não atrás de um computador”, queixou-se à AFP Florencia, uma manifestante de 39 anos, enquanto para a professora universitária María Luján Calcaño (62) a medida representa as crianças “lhes nega o direito essencial de educá-los. “

As novas restrições aplicam-se a Buenos Aires e sua periferia (AMBA), onde vivem 15 milhões dos 45 milhões de habitantes do país. Lá a ocupação em terapias intensivas atingiu 74,3% neste sábado, enquanto a nível nacional foi de 64,8%.

O presidente Fernández determinou que até 30 de abril a circulação seja restringida das 20h00 às 18h00, horário local, e as atividades recreativas e esportivas sejam limitadas em instalações fechadas na AMBA. *Informações AFP|Jornal La Nacion

Categorias:Américas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.