Relíquias afegãs apreendidas de contrabandistas devolvidas

Relíquias preciosas do passado antigo do Afeganistão estão voltando para casa enquanto a nação enfrenta incertezas cada vez maiores sobre seu futuro.

Uma coleção de 33 artefatos apreendidos de um negociante de arte de Nova York que as autoridades dizem ser um dos contrabandistas de antiguidades mais prolíficos do mundo foi entregue pelos EUA ao governo do Afeganistão nesta semana.

“A importância do material é enorme”, disse Roya Rahmani, a embaixadora do país nos Estados Unidos, na quarta-feira. “Cada uma dessas peças são representações inestimáveis ​​de nossa história.”

Rahmani formalmente assumiu o controle da coleção em uma cerimônia na segunda-feira em Nova York com o gabinete do procurador distrital de Manhattan e Investigações de Segurança Interna, que recuperou os artefatos como parte de uma investigação maior sobre o tráfico de antiguidades de vários países.

Agora, depois de brevemente expostas na embaixada em Washington, as máscaras, esculturas e outros itens, alguns dos séculos II e III, estão a caminho de Cabul, onde devem ser expostos no Museu Nacional. *Israel Hayom

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.