União Europeia não deve renovar contrato para compra de vacinas da AstraZeneca

Um funcionário da União Europeia responsável pela compra de vacinas do coronavírus afirmou que o bloco ainda não fez pedidos para data posterior a junho de doses desenvolvidas pela gigante farmacêutica britânica AstraZeneca.

No domingo, o comissário de Mercado Interno, Thierry Breton, respondeu a perguntas sobre vacinas contra o coronavírus em um programa de rádio francês.

Ele disse que a União Europeia não renovou os pedidos de imunizantes da AstraZeneca para depois de junho, quando se encerra o contrato atual.

O bloco europeu entrou com uma ação judicial contra a empresa britânica em abril devido à violação de contrato. O argumento é que a AstraZeneca não teria fornecido vacinas contra a Covid-19 no prazo estipulado.

Breton não descartou a possibilidade de retomar os pedidos de vacinas em data posterior. Ele ressaltou que o imunizante da AstraZeneca é mais fácil de ser transportado e armazenado que os demais.

A União Europeia anunciou que vai comprar até 1,8 bilhão de doses adicionais da vacina Pfizer-BioNTech.

Breton mencionou que o bloco está trabalhando com as duas firmas em uma vacina de segunda geração, que teria eficácia com uma única dose. *NHK

Categorias:Europa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.