OMS quer que 10% da população de cada país seja vacinada até setembro

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, pediu que países colaborem com os esforços da entidade para assegurar a distribuição equitativa de vacinas contra o coronavírus. Agora, a OMS tem por objetivo fazer com que 10% da população de cada país seja inoculada até setembro.

Tedros falou na assembleia anual da entidade, que teve início na segunda-feira por meio de uma teleconferência. O evento contou com a participação de todos os seus 194 membros.

O chefe da OMS lembrou que mais de 75% de todas as vacinas foram administradas em apenas dez países. Ele chamou a isso de uma “inequidade escandalosa” e que essa situação está perpetuando a pandemia. Tedros exortou países a fornecerem assistência à Covax, uma iniciativa estabelecida para a distribuição equitativa de vacinas.

A assembleia da Organização Mundial da Saúde terá duração até a próxima terça-feira. Participantes vão discutir assuntos, que incluem a pesquisa independente sobre medidas anti-infecção implementadas por países. Espera-se que os participantes adotem um plano visando reforçar a preparação internacional contra novas doenças infecciosas.

Taiwan, que não é membro da OMS, tentou participar da assembleia na condição de observardor, com o apoio dos Estados Unidos e do Japão. No entanto, o lado taiuanês não teve autorização para participar do evento devido a objeções da China. *NHK

Categorias:Mundo

Marcado como:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.