Israel: arqueólogos descobrem ovo de galinha de 1.000 anos totalmente intacto

Arqueólogos descobriram um ovo de galinha de 1.000 anos totalmente intacto durante escavações recentes na cidade israelense de Yavne, anunciou a Autoridade de Antiguidades de Israel nesta quarta-feira.

Uma escavação feita pela Autoridade de Antiguidades de Israel em Yavneh revelou um ovo de galinha de 1.000 anos totalmente intacto.

O ovo foi exposto durante as escavações de uma vala de esgoto doméstico que remonta ao período islâmico, como parte de um projeto da Autoridade Territorial de Israel para expandir a cidade.

O Dr. Eli Hadad, Liat Nadav-Ziv e o Dr. John Seligman estão liderando a grande escavação arqueológica em Yavne

“Fragmentos de casca de ovo também são conhecidos de períodos anteriores, por exemplo, na Cidade de David, Cesaréia e Apolônia, mas devido à frágil casca do ovo, quase todos os ovos de galinha não foram preservados”, disse o Dr. Lee Perry Gal, um arqueozoologista da Autoridade de Antiguidades e especialista em pássaros no mundo antigo. “Mesmo em nível mundial, este é um achado muito raro.” 

O ovo foi encontrado quase vazio, pois uma rachadura no fundo permitiu que a maior parte do material vazasse, de acordo com a Autoridade de Antiguidades. Os restos da gema foram levados ao laboratório para testes de DNA.

Os arqueólogos disseram que o ovo foi preservado durante séculos por resíduos humanos moles na fossa.

Eles também descobriram três bonecos de osso típicos do período islâmico, bem como uma área industrial que data do período bizantino. i24News

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.